Ao longo do primeiro dia, toda a equipa Erasmus + teve a oportunidade de visitar La Alhambra, um complexo de palácios e fortalezas, originalmente construído pelos árabes, localizado em Granada. Testemunho da cultura mourisca na Espanha e das habilidades de artesãos muçulmanos, judeus e cristãos, artesãos e construtores de sua época, Alhambra é Património Mundial da UNESCO! Belíssimo!

No segundo dia, caminhamos pela cidade de Marchena e visitamos lugares de significado cultural e histórico: a igreja de São João Batista, do século XV, o Portão do Arco da Rosa e a Câmara Municipal, onde tivemos a oportunidade de conhecer a presidente e discutir questões relacionadas com a atual situação política em Espanha e na União Europeia. A nossa visita foi gravada em vídeo e carregada num jornal on-line local. Além disso, o coordenador espanhol, Francisco Javier Alfonso Flores, deu uma entrevista ao canal local sobre os objetivos e os benefícios do nosso projeto Erasmus +.

De volta à escola, os professores reuniram-se para tratar questões relativas ao projeto e os alunos participaram numa oficina de teatro, conduzida pela professora de teatro espanhola Carmen Leonés Rueda.

Ao fim da tarde, visitamos a “Féria de Sevilha”, um dos eventos mais importantes da cidade. A sociedade sevilhana veste trajes tradicionais e desfila ao longo do recinto, em carruagens, a cavalo ou a pé!

Foi a melhor maneira de a nossa equipa obter uma visão autêntica da cultura e tradição locais!

No terceiro dia fizemos uma excursão à província de Cadiz, onde visitamos as ruínas romanas de “Baelo Claudia” e a praia de “Bolonia”, cuja importância arqueológica deriva do grande número de elementos preservados, permitindo uma visão completa da "polis" romana.

Em seguida, visitamos Gibraltar, um território ultramarino do Reino Unido. Muitos estudantes e professores tiveram a oportunidade de ver o Upper Rock e a Reserva Natural.

No quarto dia, de manhã, os parceiros do “ARTICS” deslocaram-se ao ao centro histórico de Sevilha e visitaram o “Alcazar de Sevilla”, impressionante palácio real e um dos marcos mais importantes da cidade. Também visitamos a “Plaza de España”, um lugar magnífico com elementos mistos do Renascimento e do Renascimento Mourisco, onde tivemos a oportunidade de assistir a uma apresentação de flamenco ao ar livre! Fantástico momento!!!

À tarde tivemos uma longa reunião de professores na escola, onde foi escolhida a canção do projeto: as canções compostas por cada país parceiro foram apresentadas anonimamente e os professores votaram pela melhor. A canção portuguesa ganhou e tornou-se o hino do projeto!!! Parabéns aos nossos alunos!!!!

Mais tarde, cada país parceiro apresentou uma dança tradicional, usando trajes tradicionais ou t-shirts do projeto. A escola anfitriã fez a abertura e o encerramento com as “Sevilhanas”, uma magnífica dança popular andaluza.

O quarto dia terminou com uma festa de despedida com lanches oferecidos pela escola anfitriã e famílias.

No último dia, visitamos o Museu de Belas Artes em Sevilha e em seguida as delegações partiram para os seus países de origem.

A segunda atividade do nosso projeto foi concluída com sucesso. Durante os cinco dias em que estivemos juntos, alunos e professores tiveram a oportunidade de interagir, conhecer-se melhor e estabelecer uma amizade sincera, sem esquecer o muito que aprenderam sobre a magnífica e encantadora  herança cultural da Andaluzia!

Inesquecível!!!!